Cirurgia Plástica da FMUSP

Cirurgia Plastica
Cirurgia Plastica - FMUSP          

Estrutura

  

 A Cirurgia Plástica constitui área médica que atua primordialmente na reabilitação e melhora da qualidade de vida dos pacientes; embora antiga, foi grande seu desenvolvimento nos últimos 20 anos. Realiza procedimentos cirúrgicos de reparação de tecidos e de reconstrução de parte externa do corpo perdidos após trauma, doença ou ausentes desde o nascimento.

 A Disciplina de Cirurgia Plástica da Faculdade de Medicina da USP com a sua contrapartida no Hospital das Clínicas, a Divisão de Cirurgia Plástica e Queimaduras, conta, atualmente, com especialistas que atendem extensa área de atuação tais como Queimaduras, Feridas Complexas, Cirurgia Crânio-maxilo-facial, Microcirurgia e Cirurgia da Mão, Cirurgia do Contorno Corporal além de atendimento específico em cirugia plástica do nariz e órbito-palpebral . Há grupo de fissuras lábio-palatinas, cirurgia plástica na criança, cirurgia da mama, estética e reconstrutiva. Há vários grupos de Cirurgia Plástica  atendendo no Instituto do Câncer do Estado de São Paulo,(em especial com técnicas de microcirugia) hospital afiliado ao Hospital das Clínicas para reconstrução em cabeça e pescoço, em tumores de pele e partes moles e no câncer da mama. A Cirurgia Plástica assumiu o tratamento multidisciplinar  das traumas de partes moles dos membros superiores e inferiores no PS do ICHC e dirige o Centro de Feridas Complexas de todo o hospital.  O grupo de Microcirurgia Reconstrutiva da Cirurgia Plástica do HC é reconhecido como o mais importante grupo em nosso país. A Cirurgia Plástica presta atendimento especializado com equipes nos vários institutos do complexo  HC e do HU da USP, além de atender no Hospital Estadual de Sapopemba (OS) e no Hospital Menino Jesus (Cirurgia Plástica em Crianças).Foi reinaugurado Banco de Pele co ICHC,atualmente extendido para Banco de Tecidos.Participa ativamente do projeto de Banco de Células do ICHC

 Contamos com profissionais de reabilitação especializada em odontologia, psicologia,  terapia ocupacional e fonoaudiologia, aptos a conduzir os pacientes a uma reabilitação eficaz.

 A Disciplina Cirurgia Plástica, conta, na FMUSP, com Laboratório de Pesquisas Básicas (LIM 04) onde desenvolve investigação em 4 áreas: Microcirurgia, Cirurgia Crânio-Facial, Cirurgia do Contorno Corporal e Cultura de Células e Engenharia de Tecidos. 

 O ambulatório permite a marcação e pronto atendimento de consultas,  A Divisão conta com a Unidade de Internação para Queimaduras com 16 leitos (reconhecida como a melhor do país), com leitos de UTI especializada. Para a internação de pacientes da Cirurgia Plástica há outra unidade com 18 leitos. O Serviço de Cirurgia Plástica atende por ano, em média, 2700 consultas, 765 internações e 1700 cirurgias. O Serviço de Queimaduras 900 consultas, 531 internações e 1200 cirurgias. Somente no atendimento a pacientes com feridas complexas no Complexo HC são atendidas cerca de 500 interconsultas por ano, sendo 70% delas operadas.

       

 

A Cirurgia Plástica é uma especialidade extensa, que compreende várias áreas de atuação; todas elas são realizadas pela Divisão de Cirurgia Plástica do HC-FMUSP.

 

1. Unidade de Queimaduras:

Coordenador: Dr. David de Souza Gomez

 Causadas por agentes térmicos, químicos, elétricos ou por radiação. Além do tratamento na urgência a reabilita-
ção do paciente deve ser considerada o objetivo final do tratamento, e assim, a correção das seqüelas deve ser parte essencial da atuação do cirurgião e da equipe multidisciplinar.


2. Banco de Tecidos:

Coordenador: Dr. André Paggiaro

 Criado a partir de um projeto inovador de associação entre a Disciplina de Cirurgia Plástica, o Hospital das Clínicas, o Instituo de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN) e a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA). Trata-se de um centro de referência de captação, processamento e distribuição de tecidos humanos para transplante alógeno, visando garantir a oferta de aloenxertos com garantia de qualidade e segurança aos indivíduos receptores. Apresenta também como meta o desenvolvimento de pesquisas e produtos biotecnológicos associados ao ensino,  visando a saúde e melhoria da qualidade de vida.  

 

3. Tratamento de Feridas Complexas:

Coordenador: Dr. Araldo Ayres Monteiro Junior

  É parte básica da cirurgia plástica o estudo e os cuidados com a cicatrização dos tecidos. Mais recentemente, novas tecnologias permitiram melhorar o tratamento de feridas difíceis, hoje chamadas complexas. Estão aí incluídas feridas crônicas como a úlcera por pressão, feridas no diabético,  úlcera venosa, ferida por vasculite, e feridas agudas extensas, cirúrgicas complicadas e feridas necrotizantes. A Disciplina é pioneira no uso da pressão negativa (vácuo). O tratamento multidisciplinar deve ser integrado, incluindo prevenção, tratamento e reabilitação.


3. Tumores Cutâneos e Oncologia ICESP:

Coordenador: Prof. Dr. Fábio Busnardo

  Realizada em pacientes portadores de neoplasias foi muito desenvolvida após a introdução das técnicas de microcirurgia nos anos 70. Tem sido essencial para a melhoria do tratamento dos tumores da cabeça e pescoço, propiciando ressecções mais ampliadas e melhor qualidade de vida para os pacientes. A associação do cirurgião plástico com a ginecologia para o tratamento global do câncer da mama é hoje universalmente aceita como a melhor solução para o grave problema desses pacientes. A cirurgia plástica trata também diferentes tumores da pele e de partes moles malignas e benignas, juntamente com equipes de cirurgia geral, gastro, tórax e outras.
 

4. Cirurgia Crânio-Maxilo-Facial:

Coordenador: Prof. Dr. Nivaldo Alonso

 Ocupa-se do tratamento de deformidades de partes moles e esqueléticas da face e do crânio, com repercussões estéticas e funcionais. Foram particularmente notáveis os avanços na correção de problemas craniofaciais congênitos complexos (cranioestenoses e outros), na correção de fissuras lábio-palatinas, em defeitos craniofaciais adquiridos, na mandíbula, maxila e na articulação têmporo-mandibular (cirurgia ortognática). A atuação da cirurgia plástica no Pronto Socorro, nos pacientes vítimas de fraturas na face é fundamental, em razão do aumento na freqüência de acidentes no trânsito e no trabalho.
 

5. Cirurgia Plástica Orbito-Palpebral:

Coordenador: Prof. Dr. Henri Friedhofer

  Tratamento de deformidades congênitas e adquiridas da face, em especial da região órbito-palpebral, do nariz e da orelha.
 

6. Cirurgia Plástica Pediátrica e Malformações Vasculares:

Coordenador: Prof. Dr. Dov Goldenberg

   A Cirurgia Plástica participa ativamente de equipes multidisciplinares que tratam de deformidades na face,  no tronco e nos genitais da criança;  no tratamento dos hemangiomas e outras deformidades congênitas. Nova área se abre com a cirurgia plástica em adolescentes.

 

7. Microcirurgia Reconstrutiva e Paralisia Facial:

Coordenador: Prof. Dr. José Carlos Marques de Faria

       

8. Reconstrução Mamária ICESP:

Coordenador: Prof. Dr. Alexandre Munhoz

     

 

9. Cirurgia Plástica Estética e Cosmiatria:

Coordenadora: Dra. Alessandra Grassi Salles

 

   

10. Rinoplastia:

Coordenador: Dr. Luis Carlos Ishida

 

      

11. Cirurgia de  Disforia de Gênero

Coordenador:  Dr. Rodrigo Itocazo

     

 

12. Cirurgia  do Contorno Corporal:

Coordenador: Prof. Dr. Wilson Cintra

  Atua nos desvios da forma do corpo causados por problemas congênitos, pelo aumento de peso ou pelo envelhecimento. Tais cirurgias não devem ser separadas do restante dos procedimentos plásticos. A indicação da cirurgia deve ser criteriosa e condicionada à existência de ganho psicológico significativo para o paciente. Estão incluídas neste grupo as cirurgias para rejuvenescimento facial ("face lifting"), blefaroplastias, rinoplastias, mastoplastias (de redução e implantes para aumento), abdominoplastias e outras cirurgias do contorno corporal, como a lipoaspiração. Tem grande importância atualmente a realização dessas cirurgias em pacientes ex-obesos tratados por cirurgia bariátrica.

 

Voltar 

 

 

     
 

© 2009 Todos os direitos reservados. Cirurgia Plástica da Faculdade de Medicina da USP.
Desenvolvimento técnico do Site: Equipe do site.
labmicro@plastica.fm.usp.br
última atualização deste site: 10-05-2018